Fotografia:
Homem detido em Cerveira pelo crime de tráfico e mediação de armas

Detenção resultou de uma investigação que decorria há cinco meses.

Redação / NC
8 Nov 2019

Um homem de 57 anos foi hoje detido pela GNR do Porto em Vila Nova de Cerveira pelo crime de tráfico e mediação de armas, tenho na sua posse quatro mil artigos pirotécnicos, informou a Guarda.

A detenção resultou de uma investigação que decorria há cinco meses e na qual “foi possível apurar que o suspeito procedia, não só ao acondicionamento e manuseamento de material explosivo de elevada instabilidade (pólvoras) sem qualquer tipo de condições de segurança, como também se dedicava ao fabrico e venda ilegal de artefactos pirotécnicos, feitos a partir da sua residência, e dos paióis de uma antiga fábrica de pirotecnia”.

“O cumprimento de dois mandados de busca resultou ainda na apreensão de 250 quilos de pólvora, 4.744 foguetes e outros artefactos pirotécnicos, 10 metros de cordão detonante, 10 metros de cordão lento e outros materiais utilizados para o fabrico de artefactos pirotécnicos”, lê-se ainda na informação da GNR.

Tendo em conta “o grau de perigosidade e instabilidade dos materiais apreendidos, bem como a elevada quantidade, a Equipa de Inativação de Explosivos do Porto, seguindo os protocolos de segurança estipulados, efetuou a eliminação em segurança dos materiais no local”, refere a nota de imprensa.

O detido será presente na sexta-feira ao Tribunal de Instrução Criminal de Matosinhos para aplicação de medidas de coação.





Notícias relacionadas


Scroll Up