Fotografia: DR
É da Areosa o representante do Minho no European Young Chef Award 2019

Concurso vai decorrer na Grécia.

Nuno Cerqueira
9 Out 2019

O filme “Ratatouille” pode estar na base de uma carreira que se adivinha de sucesso para o jovem Rui Meira, natural da Areosa, concelho de Viana do Castelo, e que vai representar o Minho no European Young Chef Award 2019, que decorre de 22 a 24 de outubro na Grécia.

Rui Pedro Meira tem apenas 19 anos, mas na família afirmam que desde o seis que se interessa por culinária.

Estudante de Artes Culinárias na Escola de Hotelaria e Turismo de Viana do Castelo,  ingressou no mundo da culinária aos 15 anos e, um ano depois, fez o primeiro estágio em um restaurante tradicional português.

Vencedor do Minho Young Chef Awards 2019, realizado em maio de 2019, Rui concorrerá ao European Young Chef Award 2019 apresentando um prato inovador à base de ingredientes locais da região, como carne de porco bísaro e arroz sarrabulho.

«uma oportunidade única de aprender, conhecer a cultura culinária de outros países e compartilhar conhecimento», afirma Rui Meira, que através da culinária quer «conhecer o mundo».

O European Young Chef Award 2019 é um concurso organizado e promovido pelo Instituto Internacional de Gastronomia, Cultura, Artes e Turismo (IGCAT) em colaboração com Egeu Meridional, Região Europeia de Gastronomia premiada em 2019.

O European Young Chef Award reúne finalistas de concursos regionais de toda a Europa para apresentar e trocar conhecimentos sobre pratos tradicionais e produtos alimentares locais de suas regiões e, em seguida, competir, propondo sua reinterpretação inovadora de receitas tradicionais, julgada por chefs de cozinha e especialistas internacionais.





Notícias relacionadas


Scroll Up