Fotografia: Nuno Cerqueira
Benjamim Pereira diz que «PSD não pode continuar de derrota em derrota»

«Resultados foram verdadeiramente maus», diz o autarca de Esposende.

Redação / NC
7 Out 2019

O social-democrata Benjamim Pereira, presidente da Câmara de Esposende, defendeu hoje a rápida convocação de eleições diretas para a liderança do PSD, numa perspetiva de «clarificar para unir».

Numa reação aos resultados das Legislativas de domingo, Benjamim Pereira considerou ainda que o PSD «não pode continuar de derrota em derrota, até à derrota final».

Para o autarca de Esposende, os resultados do PSD tanto nas Legislativas como nas Europeias foram «verdadeiramente maus».

«Se a mensagem não passou nas Europeias nem nas Legislativas, vamos estar à espera de quê? De um descalabro nas Autárquicas? Em minha opinião, a solução passa por eleições diretas, e quanto mais depressa melhor», acentuou.

O PS venceu as Legislativas de domingo com 36,65% dos votos, tendo o PSD obtido 27,90%.

Para Benjamim Pereira, que apoiou Santana Lopes nas últimas diretas do partido, a liderança de Rui Rio pecou, nomeadamente, por não ter feito «uma oposição mais feroz» ao Governo «logo desde o início».

O autarca de Esposende disse ainda que Rio não conseguiu unir o partido e criticou-o por, durante a campanha, não ter tido «uma única palavra» de reconhecimento em relação ao trabalho «extraordinário» feito pelo seu antecessor, Pedro Passos Coelho, «num dos períodos mais difíceis da nossa democracia».

«Essa palavra teria sido, certamente, uma enorme mais-valia para unir o partido», referiu.

Por isso, Benjamim Pereira defende que é preciso “questionar a liderança”, dando a palavra aos militantes.

«É necessário clarificar, mas clarificar para unir e não para dividir, porque dividido já o partido está», disse ainda.

Sublinhou serem necessárias «novas ideias e nova forma de fazer oposição», porque, a continuar no mesmo registo, o PSD «estará a caminho de colecionar uma nova derrota».

«E nós, no PSD, não estamos habituados a perder, muito menos desta forma», rematou.





Notícias relacionadas


Scroll Up