Fotografia: DR

CDU pede defesa do setor agrícola como meio de fixar populações

Carla Cruz defende medidas do Governo adequadas, definidas em articulação com as instâncias europeias, acabando, contudo com «a sumissão à Europa».

Carla Esteves
21 Ago 2019

A candidata da CDU às eleições legislativas, Carla Cruz, defendeu hoje que o setor agrícola é estratégico para o país e deve ser apoiado com medidas governativas adequadas, sempre em articulação com as políticas europeias, acabando com «a submissão do Governo à União Europeia». 


A candidata visitou hoje uma vacaria em Pedralva, Braga, para verificar no local as condições vivenciadas pelo setor agrícola na região, e na sequência da visita disse ao Diário do Minho que «é urgente criar medidas para o desenvolvimento da pequena agricultura de subsistência, que prolifera no nosso distrito, podendo o desenvolvimento deste setor constituir um facto de fixação da população. [Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]




Notícias relacionadas


Scroll Up