Fotografia: Avelino Lima
Festival da francesinha e marchas populares marcam acolhimento aos emigrantes de Amares

Programa foi estruturado para promover valores e instituições do concelho

Joaquim Martins Fernandes
29 Jul 2019

O Município de Amares espera sentar à mesa cerca de quatro mil pessoas durante os quatro dias do Festival da Cerveja e da Francesinha.
O certame vai decorrer de 1 a 4 de agosto e assume-se como a receção municipal aos emigrantes amarenses.
Entre as novidades da edição deste ano está a inclusão das Marchas Popukares concelhias no programa geral do festival.
A Edição de 2019 do Festival da Cerveja e da Francesinha vai ficar marcada pela substituição de materiais plásticos por loiça de barro e talheres de metal, numa linha especificamente dirigida ao certame.
[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up