Fotografia: Nuno Cerqueira

Cordão humano apela para saída ordeira e digna dos últimos moradores do “prédio Coutinho”

Um apelo para que saiam com dignidade.

Redação/Lusa
30 Jun 2019

Um grupo criado no Facebook convocou para segunda-feira um cordão humano em frente do “prédio Coutinho”, em Viana do Castelo, para apelar aos últimos moradores que desocupem o edifício e acabem com aquela situação “insustentável e indigna”.

A mentora da iniciativa, Elisabete Pinto, disse hoje à Lusa que a situação em que aqueles moradores se encontram “é chocante” e “desprovida de qualquer dignidade”, pelo que “urge pôr-lhe fim”.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up