Fotografia: Nuno Cerqueira
Todos os caminhos vão dar ao Percursos da Música em julho

De 16 de julho a 13 de agosto decorre em Ponte de Lima um dos eventos mais esperados do verde Minho.

Nuno Cerqueira
28 Jun 2019

Chama-se “Festival Percursos da Música” e já vai na décima edição. Razões para não faltar a este festival são muitas, até porque não é todos dias que se pode assistir a 37 concertos gratuitos em cenários que só a mais antiga vila de Portugal consegue proporcionar.

Este festival de Ponte de Lima é um autêntico ocupa de locais emblemáticos da vila minhota. Largo São João, Delfim Guimarães, Escadarias das Pereiras, Largo da Alegria, Avenida dos Plátanos, Largoda Picota, Largo da Matriz, Rua Cardeal Saraiva, Praceta do Paço do Marquês, ou até o Centro de Interpretação e Promoção de Vinho Verde (CIPvv) são alguns desses “brutais” locais.

O cartaz oferece 37 concertos gratuitos em 25 dias. Sim, leu bem.

O “Percursos da Música” marca o verão do Minho numa agenda jazz, ao rock, música clássica, folclore, música inclusiva, fado, percussão, música popular em português e mirandês, e até, para aqueles que gostam de mexer “na coisa,” workshops de adufes e ainda cinema ao ar livre. Do cartaz destacam-se nomes como Old Jerusalem, Galandum Galundaina e, a encerrar no dia 19 de agosto, Sensible Soccers.

Pelo meio ainda há espaço para o sempre esperado folclore internacional no primeiro dia de agosto e onde a Câmara local investe 10 mil euros de um total de 70 mil. «É um investimento que fazemos na cultura. Sempre foi uma das bandeiras deste executivo», frisa  o edil Vitor Mendes.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up