Fotografia: Nuno Cerqueira

«Têm que sair do prédio Coutinho» diz Ministro

Matos Fernandes esteve hoje de manhã em Viana do Castelo.

Nuno Cerqueira
28 Jun 2019

«Os abusados são os poderes públicos», começou por referir, hoje ao início da tarde o Ministro do Ambiente, Matos Fernandes, que esteve em Viana do Castelo, nomeadamente em Barroselas, para cerimónia que assinalou a entrada em funcionamento do sistema de abastecimento em alta.

O Ministro, questionado pelo Diário do Minho, começou por referir os moradores «não podem estar ali» e que sabem «que têm que abandonar o edifício».

«Quem esta a ser abusado é o poder público e não os moradores, pois eles sabes que têm que sair do prédio há 19 anos», acrescentou ainda, depois de ter sido questionado sobre a forma como estão a ser tratados os moradores – com corte de água, luz e gás – que resistem no prédio Coutinho.

«As pessoas não podem estar ali, é um edifício público, que foi expropriado e que tem de começar a ser desconstruído», disse o Ministro, dando nota que os moradores estão «incumprir uma decisão judicial e correm o risco de estar a cometer um crime».

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up