Fotografia: DR

Esposende passa a ter USF Farol com três médicos e três enfermeiros

Entra em funcionamento a partir do dia 17 de junho.

Nuno Cerqueira
9 Jun 2019

O serviço público de saúde em Esposende foi reformulado e passa agora a apresentar-se como Unidade de Saúde Famaliar (USF) composta por três médicos, três enfermeiros e três secretários clínicos.

Batizada como USF Farol Esposende, este modelo entra em funcionamento partir do próximo dia 17 de junho e vem substituir a atual Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados (USP) Esposende/Belinho, conhecido como Centro de Saúde de Esposende.

Apresentada em sessão pública realizada no Fórum Municipal Rodrigues Sampaio, em Esposende, o coordenador da USF Farol Esposende, Francisco Xavier, explicou que «a equipa multiprofissional foi reformulada», passando a integrar «três médicos de família, três enfermeiros e três secretários clínicos».


«Com este modelo de trabalho em equipa pretende-se incrementar a qualidade dos serviços prestados e proporcionar uma maior estabilidade no atendimento, essencial à continuidade de cuidados», referiu o clínico, clarificando que «esta reestruturação funcional melhorará a acessibilidade dos utentes aos Cuidados de Saúde Primários permitindo a atribuição de Médico de Família aos cidadãos residentes no concelho que ainda não o tenham», sendo que já estão em curso as inscrições de novos utentes.

.[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up