Fotografia: DR

IvestBraga diz que «investimentos de 359 milhões de euros previstos no concelho já foram superados»

InvestBraga ultrapassa metas estabelecidas para 2020.

Redação / NC
3 Jun 2019

A um ano do objetivo, a InvestBraga diz já ter atingido as metas para 2020 e ultrapassou os 359 milhões de investimento previstos no concelho, assim como a criação de 2500 novos postos de trabalho.

Os números foram avançados pelo presidente da Câmara de Braga e da InvestBraga, Ricardo Rio, após a reunião do Conselho Estratégico da Agência para a Dinamização Económica, que marcou o arranque da Semana da Economia de Braga.

«Dentro das espectativas de concretização de investimentos no Concelho de Braga entre 2016 e 2020, tínhamos feito um inquérito às empresas, através do ‘Programa + Indústria’, que apontava para 359 milhões de euros de investimento. Neste momento já ultrapassamos esse valor e essas mesmas empresas já apontam para valores na ordem dos 600 milhões de euros. Em termos de postos de trabalho a criar, tínhamos previstos cerca de 2500 e actualmente esse número também já está praticamente ultrapassado», explicou Ricardo Rio, avançando que o Conselho Estratégico ficou também marcado pela adesão de novos membros: Carlos Oliveira, ex-presidente da InvestBraga, Manuel Caldeira Cabral, ex-ministro da Economia, a Universidade Católica e o IPCA, passaram assim a integrar este órgão consultivo.

Este encontro serviu para analisar o contexto económico actual e a realidade do concelho, com Braga a demonstrar uma «dinâmica empresarial extraordinária», não apenas pelas empresas já instaladas, mas também na captação de novas empresas e projectos.

«Esta é a dinâmica que a Cidade de Braga está a viver em todos os sectores de actividade como o comércio, o turismo ou os serviços e que temos de trabalhar para continuar a sustentar este crescimento, sem nunca descurar a necessidade de conseguirmos integrar no mercado de trabalho os cidadãos que estão inscritos no IEFP – Instituto do Emprego e Formação Profissional», explicou Ricardo Rio.

E foi à questão da formação e requalificação dos recursos humanos que o autarca apontou baterias, considerando que se trata de «uma área crucial para a InvestBraga», lembrando que «em Braga os números atuais do desemprego se cifram em valores muito mais baixos do que em 2014, onde se registou uma redução de oito mil desempregados.

Ricardo Rio adiantou que «atualmente são cerca de 6400 inscritos nos centros de emprego».

«Ainda assim é um número que não nos deixa satisfeitos e gostaríamos de o ver descer ainda mais face à procura que se tem vindo a verificar«, apontou.





Notícias relacionadas


Scroll Up