Fotografia: DR

Ott Tanak venceu Rali de Portugal

Armindo Araújo foi o melhor português.

Redação/Lusa
2 Jun 2019

O estónio Ott Tanak (Toyota Yaris) estreou-se hoje a vencer o Rali de Portugal, sétima prova do Campeonato do Mundo, deixando o belga Thierry Neuville (Hyundai i20) a 15,9 segundos, mas falhando o assalto à liderança do Mundial.

O piloto da Toyota confirmou o domínio exercido a partir da primeira passagem por Arganil, na sexta-feira, conquistando a terceira vitória da temporada, na 53.ª edição da prova portuguesa.

O irlandês Kris Meeke (Toyota Yaris) perdeu o segundo lugar esta manhã, quando fez um pião em Montim 2, que lhe custou 17 segundos, caindo para a terceira posição, antes de desistir na última especial, depois de outro pião.

Por seu turno, Armindo Araújo, ao volante de um Hyundai i20 R5, terminou hoje a edição de 2019 do Rali de Portugal como o melhor piloto português na prova, partilhando, no final, um sentimento de “missão cumprida”.





Notícias relacionadas


Scroll Up