Fotografia: DR
Incêndio obriga a evacuar 420 alunos de escola e 16 utentes de lar em Taíde

No concelho de Póvoa de Lanhoso

Nuno Cerqueira
28 Mar 2019

Um lar e uma escola tiveram que ser evacuados, hoje, no concelho da Póvoa de Lanhoso devido a um incêndio florestal. O alerta foi dado pelas 8h10, quando as chamas se aproximavam de um aglomerado urbano considerado «sensível».

«O incêndio foi dominado com a primeira intervenção, tendo sido reforçado os meios de combate no local devido á proximidade de edifícios sensíveis», referiu fonte dos BVPL.

Devido à densidade do fumo provocado pelo incêndio florestal, foi ordenada a evacuação do Lar de Taíde.

«Tivemos que retirar desta infraestrutura 16 utentes para o Lar S. José e para o Lar de Vilela», disse a mesma fonte. O mesmo procedimento foi efetuado na Escola Básica de Taíde, sendo que aqui foram evacuados 420 alunos.

No teatro de operações foram empenhados seis veículos de combate a incêndios florestais, cinco ambulâncias de socorro e dois veículos de transporte de doentes, num total de 29 operacionais.

A GNR da Póvoa de Lanhoso tomou conta ocorrência e controlo da circulação rodoviária.

Vários incêndios têm fustigado o distrito de Braga.

 

 

 





Notícias relacionadas


Scroll Up