Fotografia: DR
Famalicão promove ciclo de jazz que junta músicos e público no palco

Decorrerá de 05 a 14 de abril, em Joane.

Rui de Lemos
21 Mar 2019

A vila de Joane,  em Vila Nova de Famalicão, volta a ser palco para dois fins de semana de “Jazz na Caixa”, no próximo mês de abril. O ciclo de concertos junta artistas e público em cima do mesmo palco.

Associação Teatro Construção (ATC), de Joane, e o Eixo do Jazz – Associação Luso Galaica para a Promoção do Jazz uniram esforços para mostrar que o jazz não é música para elites.

Para aproximar a manifestação artístico-musical de populares menos eruditos e levar músicos à aldeia, as duas instituições, com o apoio da Câmara de Vila Nova de Famalicão, idealizaram um evento em que o público e os músicos estão no palco juntos, como numa sala de estar, mas dentro de uma caixa simulada, com lotação limitada a 60 pessoas. E todos os concertos acontecem mesmo dentro de uma caixa simulada, montada no palco do auditório da ATC.

Assim nasceu o “Jazz na Caixa”, um ciclo de concertos que vai para a terceira edição e que, entre 5 e 14 de abril, traz até ao auditório do ATC, em Joane, músicos que dispensam apresentações, como Mário Laginha, Abe Rábade, João Paulo Esteves da Silva, Manuel Maio, Hugo Correia, Bruno Santos e Rita Redshoes.

Aos concertos somam-se workshops para crianças e músicos, além de “Jam Sessions”.

Os bilhetes custam oito euros para o público geral, seis euros para os associados do Eixo do Jazz e ATC e de 4 euros para os portadores do Cartão Jovem.

Para menores de 14 anos, a entrada é gratuita.




Notícias relacionadas


Scroll Up