Fotografia: Nuno Cerqueira
Investigação da GNR de Braga caça em flagrante “trio” que assaltava carros de clientes de restaurantes

Um dos assaltos foi a um carro de reportagem da TVI.

Nuno Cerqueira
19 Mar 2019

O modus operandi era sempre o mesmo. Observavam os clientes de restaurantes para depois assaltar as viaturas destes enquanto almoçavam ou jantavam. No entanto, após três meses de investigação do Núcleo de Investigação Criminal da GNR de Braga, o “trio” foi apanhado em flagrante, anunciou hoje a GNR.

Maioria dos casos ocorreu no litoral norte de Portugal, nomeadamente entre os distrito de Braga e Aveiro. Um dos assaltos foi precisamente a um carro de reportagem da TVI, que viu os larápios entrar no carro e levar alguns pertencentes da equipa de reportagem desta órgão de comunicação.

A GNR de Braga apanhou-os durante um novo assalto, sendo que estes vão ser presentes a Tribunal de Braga.

Segundo apurou o Diário do Minho, os indivíduos são da zona do Porto, com idades entre os 25 e 30 anos, e não têm antecedentes criminais, situação que dificultou a investigação, mas que os militares conseguiram contornar.

«Mais de 20 furtos em interior de veículos, que decorria desde janeiro, a GNR apurou que este grupo selecionava previamente, veículos de gama média/alta, para furtar o seu interior, através da quebra de um dos vidros, levando objetos como computadores, tablets e telemóveis», confirmou ao Diário do Minho a GNR.

GNR de Braga realizou vários buscas, havendo a suspeita que este “trio” é responsável por várias dezenas de assaltos a carros. A operação contou com o apoio do Destacamento de Intervenção de Braga e com a colaboração da Polícia de Segurança Pública.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]

 




Notícias relacionadas


Scroll Up