Fotografia: DR
“Bestiário” de Alexandra Moura bebeu inspiração na ceramista barcelense Rosa Ramalho

Último dia de Portuga Fashion termina com coleções de Alexandra Moura, Carla Pontes e David Catalán

Redação / NC
17 Mar 2019

A coleção “Bestiário”, de Alexandra Moura, marcou hoje o último dia da 44.ª edição do Portugal Fashion, no edifício da Alfândega do Porto.

Os seres fantásticos, as bestas e os monstros, bem como a vida rural da ceramista de Barcelos, Rosa Ramalho, foram o mote para a ‘designer’ Alexandra Moura apresentar a sua nova coleção para a próxima estação fria, “Bestiário”.

Na coleção, transmitiu uma harmonia entre o clássico e o contemporâneo e entre o rural e o urbano, onde se destacaram coordenados de vestes do trabalho na aldeia e no campo em contraponto com peças desportivas e ‘oversize’ (tamanho grande) mais usados na cidade.

A ‘designer’ portuguesa Alexandra Moura, que apresentou a sua coleção outono/inverno, “Bestiário”, no calendário oficial da semana da moda de Milão (feminina) no dia 25 de fevereiro, partilhando o palco com marcas como Gucci, Prada e Armani, assumiu que foi uma grande surpresa.

«Não estava à espera, de todo. De repente, passar de Londres para Milão e para um calendário oficial (…). Não estávamos à espera», assumiu Alexandra Moura, «orgulhosa» e «feliz», mas também a sentir «muita responsabilidade» e a «ter de ter os pés muito bem assentes na terra», por ter apresentando recentemente a sua coleção ao lado de marcas como a Gucci, Fendi, Prada, Armani e Jil Sander.

A 44.ª edição do Portugal Fashion na Alfândega do Porto recebeu 37 mil visitantes, um número que aumentou em relação à última edição nacional pela introdução de desfiles de moda infantil, reforço do ‘brand up’ e mais imprensa internacional.

Esta 44.ª edição nacional de Portugal Fashion, cujo investimento foi na ordem dos “500 mil euros”, um valor “habitual nas edições nacionais”, correu bem, segundo Mónica Neto, líder do projeto Portugal Fashion.

O Portugal Fashion é um projeto da responsabilidade da Associação Nacional de Jovens Empresários, desenvolvido em parceria com a Associação Têxtil e Vestuário de Portugal e é financiado pelo Portugal 2020, no âmbito do Compete 2020 – Programa Operacional da Competitividade e Internacionalização, com fundos provenientes da União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.




Notícias relacionadas


Scroll Up