Fotografia: Alexandre Gonzaga

Novo Campus da Justiça de Guimarães custa 10 milhões de euros e reúne valências

Município e Estado assinaram o protocolo de construção do novo edifício a ser erigido na freguesia de Mesão Frio

Alexandre Gonzaga
12 Mar 2019

A Câmara Municipal de Guimarães e o Instituto de Gestão Financeira e Equipamentos da Justiça assinaram o protocolo para a construção do novo Campus da Justiça, em Mesão Frio, junto à Academia de Ginástica.

A obra ronda os 10 milhões de euros e o edifício, com cerca de 4.400 metros quadrados, agrupará valências judiciárias no mesmo edifício.

A ministra da Justiça, Francisca Van Dunem, e o presidente da Câmara Municipal de Guimarães, Domingos Bragança, visitaram o terreno cedido pelo município no Lugar do Outeiro. O equipamento susbtituirá o atual Tribunal de Varas Mistas, que funciona na freguesia de Creixomil e que, de acordo com os responsáveis, «é alugado e não tem por onde crescer».

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up