Fotografia: Rui de Lemos

Cabeceiras dedica quatro dias de festa à excelência da orelheira e do fumeiro

Certame abriu hoje as portas com uma enchente de gente.

Rui de Lemos
1 Mar 2019

A Festa da Orelheira e do Fumeiro de Cabeceiras de Basto abriu, ontem, as portas com uma enchente de gente. Ate domingo, o certame oferece «produtos de excelência» e muita animação. O certame conta com um total de 77 produtores e expositores, juntando-se ao fumeiro, 35 expositores de produtos locais e, ainda, quatro associações e instituições. Além dos enchidos, a festa oferece vinhos verdes, compotas e licores, ervas aromáticas, mel, azeite, doces tradicionais, artesanato e produtos da terra. Tudo a par de um cartaz que proporciona animação permanente, por grupos locais e nacionais, com destaque para a actuação de Augusto Canário, no domingo à tarde.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up