Fotografia: Avelino Lima

Eurodeputado contra centralismo na gestão dos fundos comunitários

José Manuel Fernandes integrou delegação do Parlamento Europeu que avaliou a aplicação dos fundos da UE no Norte de Portugal.

Alexandre Gonzaga
28 Fev 2019

O eurodeputado José Manuel Fernandes vai opor-se «à pretensão do Governo de gerir, a partir de Lisboa, os envelopes do novo Fundo Social Europeu para o período de 2021-2027».

O responsável fez parte da delegação do Parlamento Europeu que avaliou, hoje, a aplicação dos fundos no Norte de Portugal.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up