Fotografia: Nuno Cerqueira

GIPS e Bombeiros dos Arcos de Valdevez evitam destruição da casa de turismo no Soajo

Na Vila do Soajo no lugar de Gandarela.

Nuno Cerqueira
18 Fev 2019

Um incêndio numa casa de turismo rural, hoje ao início da tarde no concelho dos Arcos de Valdevez, provocou vários danos. A rápida intervenção do GIPS da GNR, que estavam ocasionalmente na área, e a intervenção dos Bombeiros Voluntários dos Arcos de Valdevez (BVAV) evitaram uma situação mais grave.

A situação ocorreu na Vila do Soajo, no lugar de Gandarela. Um alegado mau isolamento do tubo da chaminé de uma lareira terá estado na origem do incêndio urbano.

«Aqueceu demasiado e originou o incêndio que danificou parte da cobertura da habitação», confirmou ao Diário do Minho o comandante dos BVAV, Filipe Guimarães, acrescentando que «quando os bombeiros chegaram ao local a situação do incêndio já estava a ser combatida por uma equipa dos GIPS que se encontrava nas imediações e conseguiu controlar a situação até às chegada dos bombeiros».

A casa estava ocupada com turistas, mas estes não sofreram qualquer ferimento. No entanto, como foi possível confirmar, tiveram que ser realojados noutra habitação.

No teatro de operações estiveram um total de 16 operacionais apoiados por cinco viaturas.

A GNR tomou conta da ocorrência.

 

 

 





Notícias relacionadas


Scroll Up