Vídeo: Nuno Cerqueira

Incêndio no concelho de Esposende.

Nuno Cerqueira
23 Janeiro 2019

 

Um incêndio urbano destrói total um anexo que servia de armazém para alfaias agrícolas (fotogaleria), hoje de madrugada no concelho de Esposende. Segundo familiar do proprietário, os prejuízos são elevados.

«Só uma máquina costa 25 mil euros», referiu o familiar.

Os Bombeiros Voluntários de Esposende (BVE), com duas viaturas e oito operacionais evitaram danos maiores, pois o anexo está junto a várias habitações.

«Evitamos que as chamas se propagassem as essas habitações. Também temos uma parede que sofreu uma carga térmica elevado e pode estar em risco de ruir», referiu o adjunto de comando dos BVE, Júlio Melo.

O anexo ficou totalmente destruído, sendo que para já são desconhecidas as razões que levaram ao incêndio.

A GNR de Esposende esteve no teatro de operações para tomar conta da ocorrência que não fez feridos.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]


Outros Vídeos

Scroll Up