Fotografia: Alexandre Gonzaga

Alto Minho estuda soluções de mobilidade para fixar empresas

Paredes de Coura abre Ciclo de Conferências “Alto Minho 2030” referente a mobilidade, transportes e comunicações

Alexandre Gonzaga
8 Jan 2019

Os concelhos do Alto Minho iniciaram um ciclo de 10 debates que visa elencar as prioridades nas áreas da mobilidade, transportes e comunicações com o objetivo de atrair investimento e fixar empresas na região.
À margem do primeiro encontro da iniciativa “Alto Minho 2030”, que decorreu em Paredes de Coura, o presidente da Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho) garantiu aos jornalistas que a região «já tem capacidade instalada» que «tem vindo a atrair investimentos».
Para José Maria Costa «as questões da mobilidade e das comunicações são fundamentais e já há uma capacidade instalada nos últimos anos no Alto Minho, pois, já a região com rede de fibra ótica e algumas infraestruturas que permitem fazer centros competitivos na captação de investimento e na fixação de empresas».

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up