Fotografia: António Silva

Bastonário desafia ministra da Saúde e os 250 novos médicos a salvarem o SNS

“Juramento de Hipócrates” aconteceu ontem, em ambiente de festa no Theatro Circo.

Francisco de Assis
26 Nov 2018

O Theatro Circo de Braga foi ontem palco de festa e de emoção pela consagração de 250 jovens médicos que fizeram o “Juramento de Hipócrates”, cerimónia que os oficializa e compromete como profissionais de saúde.

Na cerimóncia, com casa cheia, o bastonário da Ordem dos Médicos, desafiou a ministra da Saúde e os novos clínicos a salvarem o  Serviço Nacional de Saúde (SNS).

A sessão foi animada como um espetáculo musical, proporcionado pela Tuna Académica da Universidade do Minho e pelo Coro da Secção Regional do Norte da Ordem dos Médicos.

Para além de Miguel Guimarães, na mais monumental sala de espetáculos de Braga estiveram António Araújo, presidente do Conselho Regional do Norte da Ordem dos Médicos, entidade organizadora do evento; o presidente do Conselho Sub-Regional de Braga, Prata Balhau; o vice-presidente da Câmara Municipal de Braga, Firmino Marques, Nuno Sousa, presidente da Escola de Medicina da Universidade do Minho, representantes dos sindicatos dos médicos, entre outras entidades.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up