Fotografia: José Carlos Ferreira

D. Jorge Ortiga pede compromisso com os diversos tipos de pobreza

O Arcebispo de Braga pediu ontem à noite um compromisso de todos os cristãos com os diversos tipos de pobreza que afetam a sociedade dos nossos dias.

José Carlos Ferreira
17 Nov 2018

O pedido foi feito na vigília que antecedeu o Dia Mundial do Pobre, que se celebra hoje, domingo, e foi instituído pelo Papa Francisco, e que juntou cristãos de vários grupos e movimentos que se reúnem todas as segundas quartas-feiras de cada mês para rezar e pensar nas realidades que existem na cidade.

Perante muitas pessoas que se juntaram na escadaria exterior da igreja de Santa Cruz, D. Jorge Ortiga sublinhou o significado desta vigília se realizar na praça, mesmo com o vento fresco que corria. «Foi uma opção consciente para que nós, estando aqui, tomemos consciência daquilo que acontece nas ruas, nas casas a nossa cidade e das nossas aldeias. Há gente que pensa que a fome e a pobreza é um dado já ultrapassado e que às vezes apenas se fazem uns estudos sobre a pobreza. Mas, nós temos consciência que a pobreza ainda existe, está ao nosso lado e não podemos deixar, não apenas de a denunciar, mas nos empenharmos através do nosso testemunho e da nossa oração», salientou.
[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up