Fotografia: DR

José Morais não se cala e exige Variante à EN101

PS de Vila Verde em a Variante à EN101.

Redação
13 Nov 2018

«Não me calarei, independentemente do partido que estiver no governo, até conseguir que a variante à EN101 seja uma realidade». Foi desta forma que o socialista José Morais, vereador na Câmara de Vila Verde, abordou o problema de acessos a Vila Verde.

No âmbito da iniciativa “Plataforma de Ideias e Propostas” lançada pela nacional do Partido Socialista, a Federação de Braga organizou uma conferência e debate, onde foram apresentadas diversas propostas de relevância para o Distrito de Braga, nomeadamente no que concerne às suas potencialidades e reais necessidades.

Em representação dos vereadores, deputados municipais, autarcas e membros da comissão política concelhia do PS de Vila Verde, o vila-verdense José Morais lançou formalmente uma proposta relativa à Variante à EN101.

«Alertei os governantes e deputados quanto à necessidade que o concelho de Vila Verde tem de novas acessibilidades rodoviárias e todos os constrangimentos existentes nas vias nacionais rodoviárias que servem a nossa terra», refere em nota de imprensa.

Preocupado, e até revoltado, José Morais referiu que «os acessos rodoviários à sede do concelho de Vila Verde, em especial à zona norte, sem esquecer a Vila do Prado e as freguesias a sul são fundamentais para as nossas populações e para as nossas empresas».

«Espero que a câmara de Vila Verde tenha essa capacidade de envolver todos os partidos e todas as forças vivas e personalidades do concelho que tenham capacidade de ajudar nesta luta», desafiou o socialista, afirmando que não se revê na posição «daqueles que falam da Variante unicamente para atacar politicamente o Governo do PS».

«Nem me revejo naqueles que falam da Variante conforme o partido que estiver a governar o país», sublinhou.

 





Notícias relacionadas


Scroll Up