Fotografia: DR

Arlindo de Carvalho e Oliveira e Costa condenados no processo BPN

Arlindo de Carvalho foi condenado a seis anos de prisão por burla qualificada e fraude fiscal e Oliveira e Costa a 12 anos de prisão por dois crimes de burla.

Redação
12 Nov 2018

O antigo ministro Arlindo de Carvalho e o ex-presidente do BPN Oliveira e Costa foram nesta segunda-feira condenados por burla e fraude fiscal num processo ligado ao caso BPN.

Arlindo de Carvalho foi condenado a seis anos de prisão por burla qualificada e fraude fiscal e Oliveira e Costa a 12 anos de prisão por dois crimes de burla.





Notícias relacionadas


Scroll Up