Fotografia: DR

Café Memória viaja até à foz do Cávado

As sessões irão decorrer na Casa da Juventude, no terceiro sábado de cada mês, das 10h00 às 12h00.

Redação
17 Out 2018

O Município de Esposende assinou com o Centro Social da Juventude Unida de Marinhas, a Sonae Sierra e a Associação Alzheimer Portugal um protocolo de colaboração para a criação de um Café Memória no concelho de Esposende.

Trata-se da 19.ª unidade deste projeto implementado em 2013 pela Sonae Sierra e Associação Alzheimer Portugal em território nacional e que tem permitido levar esta resposta social a um número cada vez maior de pessoas com problemas de memória ou demência, seus familiares e cuidadores.

Após a realização de uma sessão “O Café Memória faz-se à Estrada” em Esposende, o projeto Café Memória efetiva-se no concelho, com a disponibilização de um local de encontro para a partilha de experiências e suporte mútuo a pessoas com problemas de memória ou demência, seus familiares e cuidadores, com o acompanhamento de profissionais de saúde e de serviço social e o apoio de voluntários.

O projeto visa contribuir para a redução do isolamento social em que muitas destas pessoas se encontram, melhorando, assim, a sua qualidade de vida. Pretende ainda sensibilizar a comunidade para a problemática das demências, fomentando o seu envolvimento no projeto.

Em Esposende, as sessões irão decorrer na Casa da Juventude, no terceiro sábado de cada mês, das 10h00 às 12h00, com entrada livre e sem necessidade de inscrição prévia. A primeira sessão está agendada para o próximo dia 17 de novembro.

A apresentação do Café Memória esteve a cargo de Catarina Alvarez, da Associação Alzheimer Portugal, que revelou que até à data já foram realizadas 625 sessões, com cerca de 10 mil participações, maioritariamente de cuidadores e familiares de pessoas com demência, tendo sido formados mais de 500 voluntários que já dedicaram perto de 17 mil horas ao projeto.

 





Notícias relacionadas


Scroll Up