Atos danados p’rá brincadeira



Atos danados p’rá brincadeira
15 Out 2018
1542
Fotografia: DR

Há sempre uns bacanos danados p’rá brincadeira. Há-os que gostam de asnear só porque sim. Há-os que se sentem heróis de atos de ‘empreendedorismo’ e ‘inovação’ que não lembram ao demo.

E qualquer fundo de viela ou rua sem testemunhas serve para os prodígios da galhofa.

Como se observa no retrato, um qualquer galhofeiro decidiu plantar um exemplar de novo mobiliário urbano estofado debaixo do candelabro público, ali p’rós lados de Naia, Ferreiros. Uma pérola castanha à porta da vizinhança.

Não se sabe os porquês, mas há sempre quem se lembre de atascar a porta dos outros de entulho doméstico, naquele ou em qualquer outro lugar.

A boa notícia é que existem serviços municipais e locais próprios para o efeito. Usem-nos, porque caso contrário… boa bai ela!


Scroll Up