Fotografia:

Comemoração dos 900 anos de D. Gualdim Pais com várias iniciativas

Programa inclui teatro, conferências, caminhada e lançamento de livro sobre o homenageado.

20 Set 2018

Barcelos assinala o 9.º Centenário do Nascimento de D. Gualdim Pais, cavaleiro de D. Afonso Henriques e Mestre da Ordem do Templo, com várias iniciativas na sexta-feira e sábado, dias 21 e 22.

O programa contempla a dupla apresentação do drama histórico “O Fronteiro de Deus – A Vida Heroica de D. Gualdim Pais, o maior monge-guerreiro de Portugal”, pela Nova Comédia Bracarense, na sexta-feira e no sábado, no Teatro Gil Vicente, às 21h30.

No sábado, às 9h30, realiza-se uma subida ao monte da Franqueira, com partida simbólica do lugar de Mereces, em Barcelinhos, local onde poderá ter nascido D. Gualdim Pais, sendo que, com vista a facilitar o estacionamento dos participantes, o ponto de encontro será na Escola Rosa Ramalho.

A caminhada tem a colaboração dos Amigos da Montanha, Barcelos Sénior e Grupo Alcaides de Faria. Às 11h15, há uma visita guiada às ruínas do Castelo de Faria.

Da parte de tarde, há um conjunto de conferências no Auditório da Câmara Municipal de Barcelos, que começa às 15h30, com o historiador Carlos Alberto Brochado de Almeida a dissertar sobre “A importância do Castelo de Faria na Fundação da Nacionalidade Portuguesa”.

Às 16h00, o professor e investigador António Afonso proferirá a palestra “D. Gualdim Pais – Um Herói Barcelense”.

Por fim, às 17h00, será apresentado o romance histórico “O Fronteiro de Deus – A Vida Heroica de D. Gualdim Pais, o maior monge-guerreiro de Portugal”, do escritor barcelense Fernando Pinheiro, obra em que, aliás, se baseia a peça de teatro apresentada pela Nova Comédia Bracarense, nestes dois dias, no Teatro Gil Vicente.

Além de Barcelos, outros cinco municípios associaram-se ao 9.º Centenário do Nascimento de D. Gualdim Pais. O programa arranca em Barcelos, passará por Braga, Coimbra, Tomar, Vila Verde e terminará em Amares.





Notícias relacionadas


Scroll Up