Fotografia: DM
Vila Verde transforma adega em espaço cultural

Investimento superior a 3 milhões de euros.

Rui de Lemos
10 Ago 2018

A devoluta Adega Cooperativa de Vila Verde, situada numa área degradada e poluída, vai dar lugar a «uma obra fundamental e estruturante que marcará de forma definitiva o urbanismo do concelho», afiançou o presidente do Município, António Vilela, hoje, na sessão de lançamento da primeira pedra da futura “Adega Cultural”. A construção do «novo equipamento cultural de referência» já está em curso e incluirá um auditório, uma área polivalente para congressos e exposições e um espaço museológico.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]




Notícias relacionadas


Scroll Up