Fotografia: Nuno Cerqueira: Deputada do PCP, Carla Cruz
PCP questiona Governo sobre encerramento de escola básica em Braga

«O anúncio deste encerramento está a causar indignação e protesto».

Redação
11 Jul 2018

O PCP questionou hoje o ministério da Educação sobre se vai seguir a recomendação da Câmara de Braga para encerrar a Escola Básica 1.º Ciclo de Coucinheiro, salientando que o encerramento daquele estabelecimento está a «causar indignação»  na população.

Numa pergunta hoje dirigida ao ministério de Tiago Brandão Rodrigues, o PCP, através da deputada Carla Cruz, explica que a vereadora da Educação da Câmara Municipal de Braga comunicou à Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares (DGEstE) o encerramento daquela escola, situada em Palmeira, Braga, fundamentado “no facto de não haver alunos para frequentar o 1.º ano do 1º ciclo”.

O PCP explana que a vereadora assumiu ainda desconhecer que o Agrupamento de Escolas Sá de Miranda, no qual está integrada a Escola do Coucinheiro, «há dois anos que não aceitava inscrições para o 1.º e 2.º anos», facto que Carla Cruz aponta «estranhar, já que o planeamento e gestão da rede escolar é da competência dos órgãos municipais».

A parlamentar refere que o «Município de Braga considerou reunidas as condições pedagógicas para a proposta de encerramento da valência do 1.º CEB da Escola Básica de Coucinheiro, Braga, e seu acolhimento na Escola Básica de Bracara Augusta, Assento, Braga».

Carla Cruz salienta que o «anúncio deste encerramento está a causar indignação e protesto pelos pais e encarregados de 15 crianças que pretendiam que os seus filhos frequentassem a escola básica de Coucinheiro».

A deputada explana que a proposta descrita aguarda decisão do ministério pelo que pede a Tiago Brandão Rodrigues que esclareça se “pondera rejeitar a decisão de encerramento daquela escola básica” e “quando a decisão vai ser tomada e comunicada”.




Notícias relacionadas


Scroll Up