Espaço do Diário do Minho

Algo mais que desporto
22 Jun 2018
Carlos Dias

Braga recebe, na próxima semana, os Campeonatos Nacionais do Desporto Escolar, no escalão de iniciados. Esta atividade está inserida, obviamente, no programa do Desporto Escolar, mas igualmente na programação da Cidade Europeia do Desporto – Braga 2018.

São 12 modalidades distintas, cerca de 1200 alunos praticantes, 200 professores, árbitros escolares de todo o País que rumam à capital do Minho para participar num evento que será muito mais que desporto. Bracara Augusta é uma cidade milenar, que tipicamente gosta e sabe receber bem.

E o cartaz desportivo é recheado com uma oferta cultural que procurará receber quem nos visita, oferecer as melhores condições para um fim de semana repleto de movimento, festa, música, cultura, cor, ou seja, uma panóplia de momentos enriquecedores do evento, em que todos os participantes ficarão a conhecer melhor a cidade.

São 7, as escolas que vão estar ocupadas, 300 voluntários das mesmas escolas vão organizar, dirigir, ajudar e mostrar a nossa cidade a todos os outros alunos que nos visitam.

Existem diversos projetos escolares que darão corpo ao evento, dando a possibilidade a que dezenas de alunos coloquem em prática os conhecimentos aprendidos nos conteúdos dos seus respetivos cursos.

Ao longo dos dias do evento acontecerão momentos musicais, com uma diversidade significativa no tipo de sons, mas cujo objetivos são alegrar e mostrar os trabalhos que os alunos aprenderam, ao longo do ano, nos currículos escolares especializados mas também, de forma informal, a possibilidade em diversas expressões musicais alternativas.

Também a cultura e as tradições marcarão presença. A cultura popular que é tão caraterística das festas São Joaninas, serão expostas como forma de alargamento do conhecimento cultural dos jovens que nunca as vivenciaram.

Diversas instituições da cidade de Braga serão mobilizadas para participar nesta tarefa que é: mostrar a vivacidade e as paletes culturais da nossa tradição. Enquanto participam num campeonato nacional e lutam pelos objetivos competitivos, todos os intervenientes também poderão usufruir de um convívio salutar. O desporto não se encerra num resultado.

O desporto é cultura, tradição, inclusão, partilha, educação, socialização. Sem dúvida que as expressões do movimento são formativas, mas quando são complementadas com o enriquecimento pessoal poderá ganhar outros contornos para se transformar em algo inesquecível. Os jovens que participam neste evento passam de especDIA 23tadores a atores.

Numa organização com esta envergadura é necessário estabelecer parcerias e com a colaboração de muitas organizações podemos oferecer algo maior do que o desporto, que por si só, já encerra. As escolas, os diretores, os professores e os alunos das nossas escolas terão um papel crucial na qualidade da organização, eles serão o cerne do evento e os principais elementos a retirar dividendos desta experiência.

A mobilização da cidade deverá ser um fator determinante para cumprir os objetivos do Ministério da Educação, da Câmara Municipal de Braga, da Comissão Organizadora e das escolas envolvidas. Eu diria que Braga é a cidade europeia de muito mais do que desporto.



Mais de Carlos Dias

Carlos Dias - 15 Fev 2019

A propósito do aparecimento de uma nova coqueluche do futebol nacional, João Félix, muito se tem discutido o “talento”. Quem não se lembra de atletas prodígios que não passaram apenas disso: promessas? Para entender o valor do talento, deve-se perceber a importância da preparação e do trabalho. Não existem fórmulas para explorar o melhor dos […]

Carlos Dias - 1 Fev 2019

Apesar desta sociedade complexa, egoísta e corrompida em que nos afundamos, ainda há pessoas que fomentam, apesar do longo caminho a percorrer, a solidariedade e a partilha dos valores humanistas. São essas que equilibram e fazem contraste com algumas figuras ditas “poderosas”, por aquilo que representam e pelo impacto mediático que têm. Sim, os “donos […]

Carlos Dias - 4 Jan 2019

O ano que terminou foi marcado, desportivamente, por vários acontecimentos que fazendo parte do “quotidiano” deixaram a sua marca. Para o futuro é sempre importante não esquecer o passado. E nesta minha reflexão do que foi o ano existem pessoas, figuras, momentos marcantes que devemos enaltecer, refletir e extrair algumas ilações para o que aí vem. […]


Scroll Up