Fotografia: DR
Município de Guimarães assina protocolo para a produção da nova novela da TVI

“Valor da Vida” assim se chama a produção da TVI.

Redação
13 Jun 2018

Nos jardins do Palácio Vila Flor, Município de Guimarães, administração da TVI e a produtora Plural Entertainment assinaram o protocolo que viabiliza as gravações da nova novela da TVI. “Valor da Vida”, escrita pela vimaranense Maria João Costa, estreia em setembro.

O presidente da Câmara de Guimarães, Domingos Bragança, procedeu nos jardins do Palácio Vila Flor, à assinatura de um protocolo com a administração da TVI e a produtora de conteúdos “Plural Entertainment” destinado à realização das gravações da novela “Valor da Vida”.

Da autoria de Maria João Costa, a trama terá Guimarães como palco principal das gravações, além de Brasil e Líbano. Do elenco, destacam-se atores conceituados como Pedro Barroso, Dalila Carmo, Joaquim Horta, Ana Sofia Martins e Ruben Gomes.

Após a assinatura do protocolo, Maria João Costa, autora do argumento de “Valor da Vida”, disse esperar que Guimarães possa conquistar toda a equipa e o resto do país. Nascida em Guimarães, embora resida fora da cidade há muitos anos, Maria João Costa realçou a beleza da cidade, a juventude e simpatia da sua população e o bairrismo típico de uma cidade que se valoriza a cada dia.

Por sua vez, José Eduardo Moniz, Consultor de Conteúdos de Entretenimento e Ficção da TVI, fez questão de frisar que a TVI procura com este projeto dar vários passos em frente na inovação, criatividade e qualidade da produção nacional, apostando num elenco jovem e numa história que cativará as pessoas. José Eduardo Moniz referiu não ser esta uma produção apenas para consumo interno, antes para todo o mundo.

«Esperamos honrar a confiança que a Câmara Municipal de Guimarães depositou em nós», concluiu. Em representação da Plural Entertainment, Luís Cunha Velho afirmou ser um orgulho poder gravar uma novela em Guimarães e que a produção que agora se iniciai terá como preocupação, entre outras, a divulgação do espírito e da língua portugueses.

Domingos Bragança, Presidente da Câmara, agradeceu a todos os envolvidos no processo de seleção dos locais de filmagem o facto de terem escolhido Guimarães.

«Sabendo dos critérios rigorosos de seleção, esta escolha vem reforçar a importância e reputação de que Guimarães usufrui», disse. Domingos Bragança agradeceu a todos os vimaranenses o facto de receberem esta novela “de braços abertos” e enfatizou o forte sentido de identidade e pertença das gentes de Guimarães.

«Guimarães é a cidade fundadora de Portugal, mas não é apenas História. Guimarães é História feita futuro», prosseguiu. O Presidente da Câmara referiu a importância das várias dimensões que o território desenvolve, da económica à social, da investigação e conhecimento à cultura, esta última marca indelével do concelho. Mas o edil quis deixar claro que «o de que Guimarães mais se orgulha é da sua gente», estando convicto de que a produção de “Valor da Vida” vai receber o apoio e o carinho de toda a população vimaranense. Domingos Bragança desejou que toda a equipa da novela se sinta bem em Guimarães, terminando com um sentido «porque é bom viver em Guimarães».




Notícias relacionadas


Scroll Up