Fotografia: Francisco de Assis

Diário do Minho conviveu com 1600 alunos da Escola André Soares

O Diário do Minho programou realizar até ao final do ano letivo um périplo pelos vários agrupamentos escolares de Braga, no sentido de contribuir para a literacia relacionada com a comunicação social.

Francisco de Assis
18 Mai 2018

A iniciativa, que vai mostrar aos alunos das várias escolas um pouco do dia a dia do nosso jornal, iniciou-se ontem com uma visita ao Agrupamento de Escolas André Soares, prosseguindo, na próxima semana, com deslocações aos agrupamentos D. Maria II e Carlos Amarante.

Já no final do mês, são os agrupamentos Alberto Sampaio e Sá de Miranda a receber a visita do Diário do Minho. No próximo ano letivo, vamos estender esta iniciativa aos demais agrupamentos do concelho.

O Diário do Minho viveu ontem um dia em cheio na sede do Agrupamento de Escolas André Soares, contactando com cerca de 1600 estudantes.

Um dia diferente, no meio de muita juventude, com o diretor do jornal, Damião Pereira; e o diretor-geral Luís Carlos Fonseca, a explicarem o funcionamento e missão da empresa do Diário do Minho, onde está incluída a gráfica e o jornal, que está a celebrar 100 anos de existência.

Aliás, o centenário do Diário do Minho é um dos objetivos desta aproximação às escolas de Braga. Outro dos objetivos desta iniciativa foi permitir aos alunos perceberem da importância da imprensa séria e rigorosa, em contraste com as informações veiculadas nas redes sociais como o “facebook”, ou “instagram”, sem qualquer critério ou crivo jornalístico.

Por outro lado, tanto Damião Pereira como Luís Carlos Fonseca mostraram a importância de uma imprensa livre para o bom funcionamento das sociedades democráticas.

Esta missão junto das escolas visa, igualmente, ajudar a combater a iliteracia e a formar a consciência social da sociedade bracarense.

Para além dos diretores, estiveram na escola dois jornalistas e o caricaturista Adão Silva, autor das “Diferenças” da última do Diário do Minho de domingo; e a “Caricatura”, da edição de sábado que, durante o dia, foi fazendo caricaturas de alunos e professores.

E foi, sem dúvida, o mais aplaudido, pelo trabalho e pelas ofertas das caricaturas aos alunos e professores do Agrupamento de Escola André Soares.

Diário do Minho imprime 140 títulos de jornais

Luís Carlos Fonseca falou ainda do funcionamento da Gráfica do Diário do Minho, que imprime 140 títulos de jornais de norte a sul do país e da Galiza. Uma gráfica com capacidade para imprimir 70 mil jornais por hora.

Para além de jornais, a Gráfica do Diário do Minho trabalha para as grandes editoras nacionais, na impressão de livros, assim como para as grandes superfícies comerciais do país na impressão de folhetos promocionais.

Por seu turno, o diretor do jornal explicou o funcionamento e a missão do Diário do Minho, jornal regional de inspiração cristã, nomeadamente os critérios editoriais, o alcance do jornal e os festejos do centenário que começaram agora e que se prolongam até ao dia 15 de abril de 2019.

De uma forma geral, a convivência com os alunos correu bem, com uma boa interação. Não faltaram perguntas curiosas dos miúdos, mostrando interesse na iniciativa.

A edição do jornal do dia de ontem foi também tema de conversa. O espaço online do jornal, o facebook e o site foram igualmente motivo de diálogo com alunos e professores da André Soares. Além da promoção da marca, o Diário do Minho procurou deixar uma mensagem positiva, de esperança numa sociedade melhor.

Maria Graça Moura, diretora do Agrupamento considerou positiva a ação do Diário do Minho, acreditando que ações como estas possam «lançar sementes» para uma sociedade mais informada e consciente.

DM ofereceu brindes

Durante o dia, para além das caricaturas, o Diário do Minho ofereceu um bloco de notas e um lápis. Nas sessões foram promovidas outras ações como seleção de uma frase sobre o centenário.

As frases mais criativas vão ser premiadas com um Iphone 8 e dois Iphone 7. Podem ser apresentadas no facebook do DM ou através do e-mail atuaescola@diariodominho.pt.

Ficou também o convite aos alunos e professores no sentido de visitarem a gráfica e o jornal nas novas instalações em Gualtar.





Notícias relacionadas


Scroll Up