Fotografia: António Silva
🎥 D. Jorge Ortiga pede jornalismo «de paz e de verdade», com espírito de missão

O Arcebispo Primaz recomendou um jornalismo «hostil às falsidades, a slogans sensacionais e a declarações bombásticas».

Carla Esteves
13 Mai 2018

O Arcebispo de Braga reconheceu, hoje, a a importância do jornalismo, considerando-o como «um dos alicerces fundamentais numa sociedade democrática», mas pediu a todos os que operam na comunicação social que «insistam na verdade e não se deixem aprisionar por interesses».

D. Jorge Ortiga falava na homilia da eucaristia comemorativa do Dia Mundial das Comunicações Sociais, que decorreu na Basílica dos Congregados.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]




Notícias relacionadas


Scroll Up