Fotografia: Nuno Cerqueira

Projetos “Parque da Boavista” e “Casa das Gelosias” distinguidos

Prémio Reabilita Braga «é mais-valia para a valorização do património arquitectónico», diz Ricardo Rio.

Redação
9 Mai 2018

O “Parque da Boavista”, em Palmeira, foi distinguido com o Prémio Municipal de Reabilitação Urbana na categoria de edificação – obra de restauro e de reabilitação. Na categoria de nova edificação o prémio foi atribuído ao projecto “Casa das Gelosias – Uma interpretação do Tradicional”.

A cerimónia de entrega do Prémio Reabilita Braga, com o apoio da revista ‘Vida Imobiliária’, decorreu hoje na Colunata de Eventos, no Bom Jesus.

A distinção dá destaque a projetos de qualidade arquitetónica, integração urbanística e paisagística que representem uma mais-valia para a preservação e valorização do património arquitectónico do Concelho.

Segundo o presidente da Câmara de Braga, Ricardo Rio, o prémio «é um instrumento importante para estimular e divulgar boas práticas de intervenção».

«Com este prémio assumimos o desafio de reconhecer publicamente o trabalho de quem contribui para a reabilitação da Cidade», referiu, lembrando o ´período auspicioso´ do ponto de vista da reabilitação urbana que Braga tem vivido.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up