Fotografia: DR
Ação de repovoamento lança seis mil salmões juvenis no rio Minho

Os seis mil salmões juvenis foram largados entre Valença e Tui.

Lusa
7 Mai 2018

O rio Minho passou a contar com mais seis mil salmões juvenis após uma ação de repovoamento promovida pela Junta da Galiza e o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), informou a capitania de Caminha.

Segundo a capitania portuguesa, “há vários anos que o rio internacional vem sendo alto daquele tipo de ações para a continuidade da espécie que está identificada como sendo uma das que se encontram em risco de extinção no Minho, juntamente com o sável”.

Os seis mil salmões juvenis foram largados entre Valença e Tui e em cada exemplar foi colocado um dispositivo que permite reconhecê-los mais tarde, caso sobrevivam e regressem ao rio Minho. Estima-se que cada salmão que sobreviva coloque na água entre 4.000 e 5.000 ovos.

A operação de repovoamento foi realizada na sexta-feira e envolveu a Polícia Marítima de Caminha, a Comandancia Naval do rio Minho, representantes de associações de pescadores e do Aquamuseu de Vila Nova de Cerveira.





Notícias relacionadas


Scroll Up