Fotografia: DR

GNR apreende armas de fogo em Amares no âmbito de um processo de “ameaças entre familiares”

Duas pessoas constituídas arguidas.

Nuno Cerqueira
10 Abr 2018

A GNR, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) da Póvoa de Lanhoso, apreendeu em Amares duas armas de fogo como medida cautelar.

«A ação foi efetuada no âmbito de um inquérito pelo crime de injúrias e ameaças entre familiares vizinhos, tendo envolvido duas buscas domiciliárias», revelou em nota de imprensa o comando distrital da GNR de Braga.

Segundo a mesma nota, foram apreendidas uma reprodução de arma de fogo revólver calibre 6,35 mm, uma caçadeira e 43 munições calibre 6,35 mm.

«Foram ainda constituídos arguidos e sujeitos a termo de identidade e residência um homem com 61 anos e uma mulher com 74», acrescenta esta autoridade militar.





Notícias relacionadas


Scroll Up