Vídeo: Nuno Cerqueira

A procissão do Senhor aos Enfermos de Belinho é um dos momentos únicos do turismo religioso do norte do país e acontece este domingo, 8 de abril.

Nuno Cerqueira
7 Abr 2018

A procissão sai às ruas da freguesia de Belinho no próximo domingo (8), mas é muito antes que centenas de pessoas se dedicam à construção de quase cinco quilómetros de tapetes e quadros bíblicos que vão ser encenados ao vivo.

Uns dizem que é “arte” outros “devoção, mas são vários os lugares que se juntam em torno de expressões como “o crivo”, as “empanadas” ou que contam histórias de “amores proibidos” durante a preparação da procissão.

Tudo em segredo para levar o “simples” cristo ressuscitado aos enfermos desde há 98 anos.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]




Outras Reportagens


Scroll Up