Fotografia: António Silva
D. Francisco lembra que só Cristo nos pode ajudar a «sair dos nossos desertos»

Oração de Laudes de Sábado de Aleluia.

Carla Esteves
31 Mar 2018

O bispo auxiliar de Braga, D. Francisco Sentra Coelho lembrou, hoje, aos fiéis que tal como quem se perde no deserto procura um guia, «apenas Cristo nos poderá ajudar a sair dos nossos desertos, das nossas mortes, e ajudar-nos a saber ler os sinais de esperança que o silêncio nos propõe».

A reflexão  foi proposta pelo Prelado durante a celebração do Ofício de Laudes de Sábado de Aleluia, a que presidiu na Sé Catedral de Braga, acompanhado pelos membros do Cabino Metropolitano e Primacial bracarense.

Durante a sua alocução, D. Francisco Senra Coelho fez toda uma alegoria  em torno do silêncio, lembrando aos cristãos presentes na Sé Catedral que «foi no absoluto silêncio da morte que Jesus melhor nos comunicou até onde chega o Amor do Pai por nós», revelando assim que «por nós Ele aceitou a morte do Seu filho e o Seu sofrimento».

[Notícia completa na edição impressa de amanhã do Diário do Minho]




Notícias relacionadas


Scroll Up