Fotografia: Avelino Lima
«Se Braga tem a dimensão que tem hoje, isso deve-se a Mesquita Machado», diz ex-presidente da Câmara de Guimarães

Mesquita Machado foi presidente da Câmara de Braga durante 37 anos.

Redação/LUSA
15 Jan 2018

O ex-presidente da Câmara de Guimarães António Magalhães elogiou hoje, em tribunal, o antigo autarca de Braga Mesquita Machado, afirmando que a comparação entre ambos foi “uma cruz” que teve de “carregar” durante muito tempo.

Depondo no Tribunal de Braga, no julgamento do “caso das Convertidas”, António Magalhães lembrou que, nos seus primeiros anos de mandato, lhe diziam muitas vezes que não era capaz de fazer nada por Guimarães e o aconselhavam a olhar para a gestão de Mesquita Machado em Braga.

“Durante muito tempo tive de carregar essa cruz”, referiu.

Disse ainda que Mesquita Machado se assumiu como uma espécie de conselheiro para os autarcas “novatos”, orientando-os sobre a forma de gerir um município.

“Se Braga tem a dimensão que tem hoje, isso deve-se a Mesquita Machado”, afirmou António Magalhães.




Notícias relacionadas


Scroll Up