Antes que caia!…



Antes que caia!…
8 Jan 2018
Fotografia: António Silva

O poste que vossemecês veem na fotografia, caros leitores, tem resistido a tudo quanto é tempestade, chame-se ela Ana ou Bruno, que vai dar ao mesmo. E ele ali está, um pouco tombadito, é certo, para o que der e vier, só que não sabemos até quando nem que força terá para se manter firme como um militar de serviço à Porta de Armas em altura de novo temporal.

Assim como não sabemos que diabo faz ali aquele arame que desce do seu toutiço e se prende ao muro a que parece encostar-se, tal como mostra o boneco trazido pelo compincha cá do Repórter.

A cena passa-se bem junto à principal entrada da Universidade do Minho, ali mesmo onde, diariamente, centenas de universitários apanham transporte que os conduza ao pólo de Azurém, constituindo um perigo iminente para quem passe ou frequente o local.

Por isso, senhores mandantes, antes que o dito cujo se lembre de abandonar a vista privilegiada que tem sobre os arredores, era bom que alguém procedesse em conformidade e tratasse da sua remoção. Porque se estamos à espera que algo aconteça – que a nossa memória não é curta –, para dali levar aquele mastro sem navio… boa bai ela!


Scroll Up