Fotografia: Arquivo DM
Entidades Transfronteiriças pedem cooperativa de Portugal e Espanha contra incêndios

A Rede Ibérica de Entidades Transfronteiriças defende hoje a criação de uma Cooperativa Europeia entre Espanha e Portugal para a luta contra os incêndios.

14 Nov 2017

A Rede Ibérica de Entidades Transfronteiriças (RIET) defendeu hoje a criação de uma Cooperativa Europeia entre Espanha e Portugal para a luta contra os incêndios e com capacidade de resposta imediata.

A criação de uma entidade coordenadora das emergências luso-espanholas, com comando sobre as forças e recursos de ambos os países, será proposta na Cimeira Ibérica de 2018 pela RIET que hoje, em assembleia geral, aprovou o documento a ser transmitido no encontro e no qual “se reúnem as prioridades da fronteira para o seu desenvolvimento socioeconómico”, indica a rede em comunicado.

No documento estará também vertida a necessidade de uma “prevenção na luta contra os incêndios, situação tão dramática atualmente nos dois países e que afeta particularmente os territórios de fronteira, pelo que constitui uma prioridade para a RIET”.

A rede defende, por isso, a criação de uma Cooperativa Europeia “comparticipada pelos governos de ambos os países, as comunidades autónomas e entidades similares de Portugal, os municípios e as redes representativas de cooperação, que administrariam diretamente a prevenção e combate contra os incêndios”.

Também durante o encontro de hoje, o presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo, José Maria Costa, foi eleito por unanimidade presidente da RIET.

José Maria Costa é também presidente da Conferência de Cidades do Arco Atlântico (CCAA), além de presidente da delegação portuguesa no Comité das Regiões.




Notícias relacionadas


Scroll Up