Fotografia:
Sem Mourinho, o futebol do lado de lá, ficará mais fraco!

Florentino Peres, presidente do Real Madrid, anunciou em conferência de imprensa esta semana, que no final da corrente época desportiva, José Mourinho deixaria de ser o treinador da equipa principal de Futebol. Para além de alguns tímidos elogios ao treinador português, não perdeu a oportunidade de afirmar que não é normal para o Real Madrid chegar “apenas” às meias-finais de uma Liga de Campeões Europeus, a uma final de Taça do Rei de Espanha e ficar em 2.º no Campeonato Nacional (Liga BBVA).

Fernando Parente
24 Mai 2013

Para o clube, ganhar apenas uma Super Taça de Espanha, seria pouco! Pessoalmente não posso concordar com estas afirmações, acho até, que para quem esta situação não é de todo normal é para o José Mourinho!
José Mourinho deixa o Real Madrid, no que se refere a nível desportivo e finanças, certamente melhor do que quando lá chegou. Mourinho (só) não ganhou uma Champions League, mas vamos esperar sentados para ver quando este clube da capital espanhola ganhará o maior troféu de futebol do velho continente!
Para além de ter pela frente, o sempre e cada vez mais poderoso Barcelona no plano nacional, Mourinho teve que jogar ainda, e constantemente, contra interesses e opiniões “do contra” instaladas internamente no clube e lutar contra uma imprensa espanhola de nacionalismo exacerbado, tendenciosa, agressiva, fraca  na análise desportiva e nada independente!
Qualquer destino ou país, será mais vantajoso para o melhor treinador do Mundo. As portas dos melhores emblemas estarão escancaradas para receber Mourinho!
Inglaterra é certamente um destino que serve melhor a qualquer treinador de grande craveira, onde se gosta de Futebol e se valoriza a qualidade, venha ela de onde vier, seja de que nacionalidade for! Mourinho é uma das melhores referências de todos os tempos no treino da modalidade desportiva Futebol, mais nada! Se voltar a Inglaterra, será eventualmente dos poucos a desafiar o velho provérbio chinês, que nos aconselha a “nunca voltar a um sítio onde se foi feliz!” Mas se ele for vai novamente ganhar!
Estou convencido que o “Special One” colecionará troféus atrás de troféus por esse mundo do Futebol.
Continuará a bater recordes e a colocar a fasquia cada vez mais alta. A dor da articulação do braço com o antebraço desses incapazes e inconsequentes do futebol do nosso país vizinho continuará a aumentar. O Futebol em Espanha ficará claramente mais pobre, porque os holofotes apontarão para onde Mourinho se deslocar, porque ele, é um verdadeiro Líder e continuará a arrastar consigo ma “massa” incontável de seguidores!




Notícias relacionadas


Scroll Up