Fotografia:
Matrimónio – Família – Vida

Diz São Josemaria Escrivá, no seu livro Cristo que passa, n.º 23: “O Matrimónio não é, para o cristão, uma simples instituição social, e menos ainda um remédio para as debilidades humanas: é uma autêntica vocação sobrenatural. Sacramento grande em Cristo e na Igreja, diz São Paulo (Ef 5, 32), e, ao mesmo tempo e inseparavelmente, contrato que um homem e uma mulher fazem para sempre, porque, quer queiramos quer não, o Matrimónio instituí-do por Jesus Cristo é indissolúvel: sinal sagrado que santifica, acção de Jesus, que invade a alma dos que se casam e os convida a segui-Lo, transformando toda a vida matrimonial num caminhar divino na Terra”.

Maria Fernanda Barroca
27 Abr 2013

E mais adiante, no n.º 24, São Josemaria escreve: “O amor puro e limpo dos esposos é uma realidade santa que eu, como sacerdote, abençoo com ambas as mãos”. A quem lhe perguntava o que queria dizer com isso, respondia: «com ambas as mãos, porque não tenho quatro».
Actualmente, muitos chamam «matrimónio», algo que é uma mistificação, pois usam o termo para a união de duas pessoas de sexos diferentes, mas que usam o sexo, não em ordem à procriação, mas por simples prazer sem compromisso ou então a união de duas pessoas do mesmo sexo, o que é aberrante.

Ora sendo o Matrimónio segundo a Lei natural, a união una e indissolúvel entre duas pessoas de sexo diferente, em ordem à procriação e à ajuda moral dos cônjuges, podemos falar em Família.

A Família ampliada ou extensa (também dita consanguínea) é uma estrutura mais ampla, que consiste na Família nuclear, mais os parentes directos ou colaterais, existindo uma extensão das relações entre pais e filhos para avós, pais e netos.

Esta forma de Família é o alicerce de uma sociedade saudável, e por isso, quem quer destruir um país, começa por deteriorar a Família – é isso o que se está a passar nos tempos actuais, incluindo Portugal.

E uma vez contraído o Matrimónio e consumado este, é natural que apareça os filhos. Quero insistir que o ter ou não ter filhos não altera a validade do Matrimónio. Por vezes o desejo de ter filhos que não aparecem, leva os casais a recorrer à Procriação Medicamente Assistida (PMA).

No seu discurso de 13 Maio de 2006, o Santo Padre Bento XVI referiu: “… Actualmente um tema mais delicado do que nunca é o respeito devido ao embrião humano, que deveria nascer sempre de um acto de amor e ser desde logo tratado como pessoa (cf. Evangelium Vitae, n.º 60). Os progressos da ciência e da técnica alcançados no âmbito da bioética transformam-se em ameaças quando o homem perde o sentido dos seus limites e, a nível prático, pretende substituir-se a Deus Criador. A Carta Encíclica Humanae Vitae confirma com clarividência que a procriação humana deve ser sempre fruto do acto conjugal, com o seu duplo significado unitivo e procriador (cf. n.º 12), como recordei na Encíclica Deus Caritas Est.” Daqui resulta que o aborto é, por mais esse motivo, um acto moralmente inaceitável.
No discurso durante a apresentação de cumprimentos dos Embaixadores credenciados na Santa Sé, Bento XVI disse: “O aborto directo, ou seja, querido como fim ou como meio, é gravemente contrário à lei moral. Ao dizer isto, a Igreja Católica não pretende faltar à compreensão e benevolência nomeadamente para com a mãe; trata-se, antes, de velar para que a lei não altere, injustamente, o equilíbrio entre o igual direito à vida que possuem tanto a mãe como o filho”.
A solução que pode satisfazer o desejo de ter filhos é a adopção. Esta só é aconselhada, como é óbvio, para os Matrimónios legais. É uma atitude que eu considero heróica, pois muita gente tem receio que adopte uma criança com deficiências. Mas pensem que podem ter um filho perfeito e que uma doença o pode deixar amarrado a uma cama.
Assim, acabo por dizer: estejamos alerta, porque o inimigo da moral não dorme, nem tira férias, quando se trata de ir contra a Família.
E não esqueçamos que no primeiro Domingo de Maio, dia 5, celebra-se o Dia da Mãe – ora a Mãe deve ser a figura central do Matrimónio, a defesa da Família e a salvaguarda da Vida.




Notícias relacionadas


Scroll Up