Fotografia:
Dia mundial da criança

Que o mundo feio e horrível jamais seja o teu mundo, Criança…

N/D
1 Jun 2004

Para ti, Criança, neste dia a ti consagrado, todo o preito da minha homenagem! Quem quer que tu sejas ou estejas onde estiveres, para ti vai todo o meu carinho, irmanado com todo o meu afecto! Nos teus olhos de candura, eu vejo estrelas reflectindo o céu…! Olhar feliz, por nada te faltar, ou olhos suplicantes, por tantos males, que te afligem, são sempre semáforos vermelhos, que me obrigam a parar e olhar para ti…!
Revendo-me criança como tu és (que saudades meu Deus!), eu sinto por ti mais ternura e carinho do que o jardineiro esperando rosas dos botõezinhos que já espreitam na roseira…! Também tu, Criança, transportas em ti toda a pujança de um futuro que esperas risonho…! És primavera esperançosa dum amanhã que sonhas de cor azul…!

Assim o queira e propicie o Homem, que devia ver em ti um lago de água límpida e cristalina onde as estrelas aparecem de mãos dadas com as pétalas mais radiantes…! Assim o queira e propicie o Homem – o arquitecto do teu mundo que deveria desejar um mar de paz, bonança e amor…!

Se houver alguém que tente conspurcar essa jóia de arte que é a tua inocência e candura, que as pedras do caminho protestem e gritem ou que as estrelas vendem seus rostos luminosos e se transformem em trevas…! Tu, Criança, és o enlevo dos pais, o encanto da Terra. “O melhor que há no mundo”…!

É crime nefando deixar-te passar fome…! É um mal tremendo fazer-te chorar com guerras…! É pecado de bradar aos céus privar-te do amor e carinho que te pertencem como a mais ninguém…!

Para ti, Criança de qualquer mundo, um beijo de ternura, neste dia que bem merece durar tanto como um ano…! Que quaisquer lágrimas deixem de correr dos teus olhos feitos brancura…! Que o gelo da indiferença dos mais velhos jamais cresce a flor delicada da tua angélica inocência…! Que a fome de pão e amor nunca tornem triste e macilento esse teu rosto, que é livro aberto onde leio “Deus”…!

Que o mundo feio e horrível jamais seja o teu mundo, Criança…! Tu deves ser para os adultos a pérola mais preciosa, a jóia mais apreciada, o tesouro valioso, a defender dos ladrões…!

Que a tua infância, Criança, seja tema de sinfonia, ideia mestra de epopeia, cenário arrebatador da ópera mais divinal…! Que sejas Criança como Deus te quer e os homens deveriam querer…!




Notícias relacionadas


Scroll Up